A Faculdade de Colider – FACIDER está localizada no município de Colider, no norte do Estado de Mato Grosso e região Centro-Oeste do país.

De acordo com dados do IBGE o estado possui uma área de 903.357 km2 o estado é o terceiro maior do Brasil em extensão territorial e o único que possui características de três biomas: Pantanal, Cerrado e Amazônia, possui clima com características continental e duas estações bem definidas sendo uma com abundância de chuvas e outra de longo período de estiagem.

O município fora elevado a esta categoria pela Lei Estadual nº 4158 de 18 de dezembro de 1.979 e de acordo com os dados do IBGE de 2016, a cidade de Colider apresentou um crescimento próximo de 8% nos últimos seis anos registrando uma população de 32.120 habitantes. Situada às margens da MT 320 e a 32 km a esquerda da BR-163, localizada em um ponto estratégico do Norte Mato-grossense, e aproximadamente a 650 km de Cuiabá, capital do Estado, e a 180 km da divisa com o Estado do Pará. Por sua localização, desde cedo, constituiu-se como entreposto comercial da região e ponto estratégico de agronegócio.  A economia do município depende quase que essencialmente do setor agropecuário, respondendo por mais de 70% da economia e absorve mais de 50% da população economicamente ativa da cidade.

As agroindústrias de origem pecuária, são responsáveis pela maior taxa de empregabilidade sendo entre essas: laticínios, curtume, frigoríficos, fábricas de rações e sais minerais, abatedouros outras de menor porte. Na última década a agricultura se expandiu na região e áreas de plantações de soja, milho e arroz, entre outros estão dividindo o espaço no campo com a pecuária extensiva.  Na agricultura familiar Colíder possui uma produtividade significativa de produtos hortifrutigranjeiros, que são comercializados pela Associação dos Feirantes, nas feiras livres, que acontecem três dias na semana, proporcionando aos pequenos agricultores, fomento, trabalho e emprego, fortalecendo e valorizando a produção de produtos orgânicos.

A cidade é considerada um centro prestador de serviços comerciais, educacionais, médico-hospitalares e militares, sendo também, um ponto de cruzamento rodoviário, o que lhe confere um enorme potencial de desenvolvimento logístico.

Colider conta com Unidades Militares, como Brigada Militar e Corpo de Bombeiros, sendo este o único para atender o município de Colider e os circunvizinhos.

A região, em franco desenvolvimento, possui municípios em expansão e que dependem de serviços oferecidos em Colider. Se levarmos em consideração os municípios de Nova Santa Helena, Nova Canaã do Norte, Terra Nova do Norte, Matupá, Peixoto de Azevedo, Guarantã do Norte, Novo Mundo, Itaúba, Nova Guarita e Carlinda, a população atingida e beneficiada com os serviços oferecidos em Colider, principalmente educacionais, facilmente extrapolará a cifra de 200.000 habitantes. Devido sua localização estratégica os munícipes vizinhos se deslocam até Colider e retornam em um mesmo dia o que torna o acesso compensador.

Fig. 1. A figura representa a localização de Colider e suas divisas territoriais:

*FONTE: PORTAL MATO GROSSO, on line, 2016.

 

Na região a qual se encontra o município, considerada privilegiada, a Fundação Nacional do Índio – FUNAI criou um centro de atendimento a 05 etnias indígenas: Kayabi, Kayapo, Panará, Munduruku e Apiacá com 9.500.000 (nove milhões e quinhentos mil) hectares que vai do norte do Mato Grosso até o Estado do Pará com cerca de 3.000 (três mil) índios, o que projeta o Município de Colíder a nível nacional e internacional como referência ao atendimento indígena. A FUNAI está aqui representada pela Fundação Raoni, cujo objetivo é defender os interesses dos índios que vivem na região. O Governo Federal, através FUNAI já realizou diversos investimentos no município, em razão de sua importância, sendo destaque o Distrito Sanitário Especial Indígena de Kayapó/MT – DSEI que é o órgão responsável pela saúde indígena e regionalizado ao atendimento até mesmo das tribos mais afastadas.

Conforme ilustrado abaixo, Colider não possui área indígena, e fora escolhida para sediar do DSEI devido a sua localidade e capacidade de crescimento e expansão.

Fig. 2. Área de abrangência do DSEI

*FONTE: FUNASA, on line, 2012

Em 2011 iniciou-se em Colider a construção de Usina Hidrelétrica Colider, as margens do Rio Teles Pires na divisa com o município de Nova Canaã do Norte. A usina visa operar 300 megawatts de potência, o que seria suficiente para atender uma cidade de 850 mil habitantes. Está previsto o funcionamento da usina para 2017 e esse fator irá contribuir para a ascensão do município e atraíra novos investimentos.

Quanto à organização social os habitantes dos Bairros e Vilas de Colider, estão constituídos cerca de 10 Associações Comunitárias envolvendo em média 27 mil habitantes, correspondendo a 89% da população urbana, conforme dados fornecidos pela União das Associações Comunitárias de Colíder – UAC (2013).

No tocante aos aspectos ambientais, Colider enfrenta o problema de superpopulação na periferia, tendo em vista as grandes migrações oriundas de cidades vizinhas e da zona rural. Esta nova população, por falta de condições financeiras, dificuldade de acesso ao emprego pela falta de qualificação profissional, tem formado núcleos desordenados de ocupações irregulares, sem condições mínimas de infraestrutura de habitação, tais como: água potável, rede de esgoto, segurança pública, vias de acesso, escolas e unidades de saúde.

A rede de esgoto ainda não atende a todos os domicílios e as dificuldades do recolhimento de lixo contribuem para exacerbar os problemas de contaminação. O município conta com uma Usina de Triagem e Aterro Sanitário, mas a coleta seletiva é considerada insatisfatória.

Resta salientar que de acordo com a realidade do norte do estado do Mato Grosso, o município de Colider, é uma das regiões que apresentam um índice de crescimento demográfico e de desenvolvimento aceitável dentro do contexto nacional. Se ora encontra-se estacionado, por outro lado possui importante contribuição para a consolidação de municípios mais novos e que agregam desenvolvimento em todos os setores.

O Sistema Educacional Integrado – Centro de Estudos Universitários de Colíder SEI-CESUCOL, foi fundado em 29 de janeiro de 2000, por um grupo de cidadãos colidenses cuja experiência educacional motivou o desejo da construção e difusão do conhecimento científico para a sociedade reconhecendo a necessidade do ensino superior acessível dentro do que a região necessita.

Em face desse contexto é notória a importância do município para a região o que fortalece a ampliação da Faculdade de Colider – FACIDER para que possa contribuir na formação de profissionais críticos, reflexivos e engajados com a importância da responsabilidade social e preparados para encontrar soluções viáveis para os problemas do município e cidades vizinhas.